Organize os arquivos xml de suas NFe. (xml | NFe | Organizar | Gerenciar)

NFe e xml
NFe e xml

Olá Pessoal,

Pra quem trabalha com Nota Fiscal Eletrônica sabe o quanto é difícil manter e organizar os arquivos xml.

Sabemos que, na verdade, os arquivos xml é que são mesmo as notas fiscais. O danfe (via em papel do xml) é um documento auxiliar e tem validade apenas no transporte, separação e entrega das mercadorias. A nota fiscal mesmo é o arquivo xml.

Devemos manter arquivado tanto os xml (NFe) emitidos quanto os recebidos. Isso não é tarefa fácil.

Vou dar agora uma dica que vai facilitar sua vida.

Para visualizar seus arquivos xml, existe um programa gratuito muito bom. Trata-se do DANFE View. É um excelente software para visualizar seus xml. É um software pago, mas nessa versão ele pode ser usado gratuitamente para visualizar os arquivos. Você pode fazer download direto do desenvolvedor Unimake Software.

Se visualizar o xml já não é problema e como devo fazer para encontrar um xml específico em uma pasta com um monte de xml? Como gerencio? Como organizo meus arquivos xml?

Outra dica é um software gratuito que você instala em seu computador, indexa apenas a pasta onde seus xml estão – você pode indexar várias pastar e locais diferentes – e faz a pesquisa por data, por número da nota fiscal e por qualquer informação que acredita possuir o xml que deseja encontrar.

O programa encontra o arquivo pra você e você pode copiá-lo e enviá-lo para outra pasta ou local em sua máquina. Você pode selecionar vários xml retornados em sua pesquisa e copiá-los para outra pasta, por exemplo.

Estamos falando do programa Index Your Files. É um programa fantástico. Uso e aprovo. É gratuito e muito eficiente. Fácil de usar e resolverá seus problemas com os xml.

Você pode baixar o Index Your Files no site do desenvolvedor.

Espero que estas dicas ajudem.

Meu grande abraço.

Postado inicialmente em: http://infogordo.blogspot.com.br/2014/01/organiza-os-arquivos-xml-de-suas-nfe.html

About Mário Nhardes 10 Articles
Sou um brasileiro comum, daqueles nascidos em outubro. Sou mineiro sem rimas, daqueles nascidos em Patos de Minas. Faço de minha casa, meu castelo, meu pedaço do mundo. Teimo em escrever, em ordenar o que brota de minha mente, de minhas angústias, de minhas crenças. Sou tudo e nada ao mesmo tempo. Sou tudo aquilo que consigo ser.

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*